Governo do Paraná investe em transporte para alunos com deficiência

Por  G1 / CBN Foz do Iguaçu

O Governador do estado do Paraná, Beto Richa autorizou a compra de veiculos adaptados,  para portadores de deficiência física, que necessitam de transporte público até as instituições de ensino.

Richa autorizou a compra de 67 ônibus escolares para serem usados no transporte de estudantes com deficiência. Até o fim do ano, serão comprados 180 veículos deste tipo que serão repassados para as prefeituras. O investimento é de R$ 20,3 milhões na compra dos ônibus adaptados.

Cerca de 10 mil alunos vão usar os novos ônibus. “Os veículos vão atender todas as regiões do estado e vão melhorar a vida de milhares de famílias. Todos os ônibus são preparados para atender as necessidades dos estudantes”, afirmou o governador Beto Richa.

Dez desses ônibus serão entregues pelos fabricantes na próxima semana, e as prefeituras irão definir em quais escolas serão usados. Todos são equipados com plataformas elevadas, bancos mais largos e contam com cadeiras de rodas. São todos ônibus novos que para reforçar o transporte escolar dos municípios.

Os ônibus têm capacidade para transportar entre 23 e 31 estudantes. Para Guaraqueçaba, no litoral, o veículo terá tração nas quatro rodas para trafegar pelas estradas da região. Os R$ 20,3 milhões para compra dos veículos são de recursos do governo estadual, junto com emendas estaduais e federais. Dois ônibus já foram entregues neste ano para as prefeituras de Guaratuba e Morretes.

INVESTIMENTO – Os novos ônibus fazem parte dos R$ 436 milhões investidos pelo Governo do Paraná para educação especial. O programa Todos Iguais pela Educação têm assegurados os mesmos direitos e benefícios das demais escolas da rede estadual de educação básica.

Os recursos são destinados a investimentos em pessoal, como diretores, professores, pedagogos e demais profissionais de educação; custeio administrativo e de infraestrutura, equipamentos, reformas, merenda escolar, além de ônibus para o transporte. A Secretaria de Estado da Educação também levará para as escolas especiais o Programa Brigada Escolar.

“O programa permite que as escolas recebam os mesmo investimentos das demais da rede estadual de educação, como equipamentos, recursos para obras descentralizadas, merenda escola”, destaca o secretário de estado da Educação e vice-governador, Flávio Arns.

Anúncios