Um mês como Aprendiz da Vida Prática, Sobre Rodas, por Ricardo Albino

Passou rápido demais né? Hoje fechamos o primeiro mês do grupo de Atividades de Vida Prática. Chega a ser curioso e até engraçado aprender a fazer coisas que, para a maioria das pessoas, são tão simples depois dos 30 anos de idade. Subir em ônibus, fazer compras no shopping, pesquisa de preços em farmácia, chegar ao destino certo como passageiro de um taxi.

O leitor pode perguntar: – por que demorou tanto tempo para fazer coisas assim? Uma questão de oportunidade. Na vida, mesmo com as limitações físicas, aprendi que podia tentar. Então, precisávamos eu e minha família, descobrir a melhor maneira de ajudarmos um ao outro.

É engraçado como, sem querer, os nossos acompanhantes mostram o tamanho da preocupação que ás vezes sentem. Podem ter certeza que é bem maior que a nossa. Quero deixar bem claro que não tenho nada contra e já consigo compreender porque isso acontece. A própria equipe parece já ter percebido e durante as atividades, costuma se dividir para controlar a ansiedade do pessoal.

Ainda temos outubro pela frente. Muitas surpresas e novas descobertas virão. Aprendizados de outros tempos já se confirmam antes mesmo do final, o que provoca renovação de área dos estoques de força e paciência.

Ricardo Albino, jornalista, Coluna Sobre Rodas / Tudo Bem Ser Diferente

ricjornalista@hotmail.com / http:// HYPERLINK “http://ricardo-albino.blogspot.com.br

As opiniões aqui publicadas são de responsabilidade do colunista.

 

Anúncios