Escolas de Piracicaba usam sistema ‘bilíngue’ para incluir alunos surdos

Estudantes com deficiência e ouvintes conversam normalmente no intervalo.

Aulas em três unidades contam com a participação de professor interlocutor.

Escola em Piracicaba (Foto: Alfredo Morgante/EPTV)Estudantes surdos de Piracicaba tem professor interlocutor durante as aulas (Foto: Alfredo Morgante/EPTV)

Em Piracicaba (SP), a Escola Estadual Barão do Rio Branco é um dos exemplos de inclusão dos estudantes com deficiência na cidade. O colégio desenvolveu o “Idioma Bilíngue da Inclusão”, que possibilita que os 36 alunos com surdez conversem normalmente com os demais estudantes do colégio por meio da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Outras duas escolas estaduais da cidade têm sistemas parecidos de inclusão, a Antônio Mello Cotrim e a Alfredo Cardoso. Nas unidades, chamadas de polos de atendimento de surdos, os estudantes com deficiência assistem às aulas regulares e contam com um professor interlocutor, que auxilia no entendimento do conteúdo.

De acordo com a coordenadora de educação especial da Diretoria de Ensino de Piracicaba, Ana Cristina Fiore, a Barão do Rio Branco foi a pioneira nesse sistema de ensino, implantado em 2007. “Além das aulas normais, os estudantes com surdez têm aulas na Sala de Recursos, em que um professor aprimora o conteúdo escolar e o conhecimento da Libras”, explicou.

Inclusão
A coordenadora disse à reportagem do G1 na manhã desta quinta que os estudantes que não tem deficiência auditiva se interessaram em aprender Libras para poder se comunicar com os alunos surdos. “Foi uma atitude que partiu deles mesmos. Durante o intervalo, por exemplo, é comum ver uma roda de conversa entre estudantes surdos e ouvintes, todos misturados”, disse a Ana Cristina.

Escola em Piracicaba (Foto: Alfredo Morgante/EPTV)
Libras é ‘segunda língua’ em unidade de ensino
de Piracicaba (Foto: Alfredo Morgante/EPTV)

“A comunicação destes estudantes é muito linda e o auxílio do professor interlocutor dá a oportunidade de o aluno surdo aprender da mesma maneira”, completou a coordenadora.

Libras online
A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo abre nesta quinta-feira inscrições para um curso de Libras online para os estudantes da rede estadual de ensino.

São 4 mil vagas destinadas a alunos surdos e ouvintes de todo o estado que formarão duplas para melhorar o desenvolvimento da linguagem. As inscrições gratuitas vão até o dia 8 de outubro no site http://www.educacao.sp.gov.br.

Escola Estadual Barão do Rio Branco, pior instituição em Piracicaba no Enem 2011 (Foto: Luiz Felipe Leite/G1)Escola Estadual Barão do Rio Branco tem 36 estudantes com deficiência auditiva (Foto: Luiz Felipe Leite/G1)

 

Anúncios