Como é ser mãe de um bebê com síndrome de Down? Entrevista para a Rádio Itatiaia, Mamãe Down Up, por Ana Flávia Jacques

gabrielecerejinha

Gabriel, filho da Karina Icasatti, e Maria Fernanda, a Cerejinha Baby, minha filha!

Como é ter um filho com síndrome de Down (SD)? Na última sexta-feira (05/09/14), eu e outra mãe estivemos no programa Café com Notícia, da Rádio Itatiaia, para falar sobre o assunto.
As nossas declarações rebateram a afirmação de um cientista britânico que, recentemente, afirmou, por meio das redes sociais, ser imoral dar à luz bebês com a alteração genética.
Vida normal
“A pessoa tem o direito de conviver com as diferenças. Apesar dos percalços, ter um filho com SD é maravilhoso”, afirmou Karina Icasatti, mãe do Gabriel, de 1 ano e 9 meses.
“O que falta para ele (cientista) é se atualizar. Hoje em dia, com o avanço da medicina e das tecnologias, essas pessoas são agentes ativas da sociedade. Conseguem fazer muito mais do que se pode acreditar. O que a gente pede para todos é mais respeito”, foi uma das afirmações que fiz.
Ana Flavia Jacques, jornalista e mãe de primeira viagem da Maria Fernanda, a Cerejinha Baby, uma linda e doce garotinha com síndrome de Down.
* Cerejinha Baby no Facebook: https://www.facebook.com/CerejinhaBaby?ref=hl
** As opiniões aqui publicadas são de responsabilidade do colunista.
Anúncios